ERA VARGAS

Nascido em São Borja, em 1882, Getúlio concorreu a presidencia nas eleições de 1930, porém foi derrotado pelo governador de São Paulo, Júlio Prestes. Apoiado por um grupo de jovens militares, Vargas liderou um golpe de Estado contra Prestes, que foi deposto e fugio para o exílio. Em 3 de novembro de 1930 começava o governo provisório de Vargas, que durou 4 anos. Devemos lembrar que o país tinha a economia baseada na monocultura do café, que se desvalorizou durante a Crise de 29. Vargas comprou (com dinheiro público) e queimou em torno de 14 milhões de sacas de café, para manter o preço alto. Foi criado ainda o Ministério do Café.

GOVERNO PROVISÓRIO EA GUERRA CIVIL DE 32

 

 

Durante o governo provisório, Vargas enfrentou e venceu a guerra civil contra os paulistas em 1932, que estavam insatisfeitos pela nomeação de um interventor que não era paulista. Houveram mais de 800 mortos, sendo o lado paulista o derrotado, contabilizando mais de 600 baixas. Em 1934, Vargas foi eleito indiretamente pelos deputados e foi criada a nova Constuição, que substituia a de 1891 e declara que o Brasil era uma republica presidencialista federalista e trazia o voto secreto e o direito das mulheres a votar e se candidatar e criou a Justiça Eleitoral. Vargas passou a substituir os governadores dos estados, eleitos democraticamente, e em seus lugares, colocar interventores, nomeados por ele. Além disso, a Constituição centralizava os poderes nas mãos do presidente, defendia o uso da força, e até mesmo a tortura contra o militantes do comunismo, proibia as greves e previa a criação do Departamento de Imprensa e propaganda, o DIP, responsavel por divulgar as ações do governo e censurar os meios de comunicação. Surgia ai o ESTADO NOVO.

A Constituição foi apelidada de Polaca, pois era autoritaria como a Constituição da Polonia, e ao mesmo tempo, polaca era um sinonimo de prostituta, logo, chamar a constituição de polaca, era uma forma de criticar seu vies autoritario.

REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA

Movimento paulista que exigia a saida de Vargas do poder e clamava por uma nova Constituição para o Brasil. A revolta foi liderada pelo Partido Republicano Paulista (PRP) e o Partido Democrático (PD). Os conflitos duraram 3 meses e depois os revoltosos tiveram que se entregar, porém, sua pressão fez com que a Constituição fosse elabora. Uma parte dos revoltosos criaram um movimento civil o MMDC, que era formado pelas inciais dos nomes de 4 estudantes que morreram em conflito com a policia.

GOVERNO CONSTITUCIONAL

Vargas é eleito por voto indireto

AIB vs ANL

Açao Integralista Brasileira, partido de extrema direita inspirado no fascismo, eram antiliberais, contrários ao comunismo, pregavam o culto ao lider e o estado controlando os meios de comunicação. Católicos conservadores

Aliança Nacional Libertadora, partido de esquerda, liberais, defendiam reforma agrária, nacionalismo economico e contrário ao fascismo. Que acabou sendo fechado por Vargas.

ESTADO NOVO.

Getúlio Vargas governou o Brasil de 10 de novembro de 1937 a 20 de outubro de 1945. Seus poderes eram absolutos. Não havia Congresso Nacional, nem partidos, nem oposição. Vargas era um ditador!

Em 1938 haveria uma nova eleição presidencial, dessa vez direta. O temor de perder a eleição, fez com que Vargas mandasse a policia cercar o Congresso e declarou estado de guerra, usado como desculpa a descoberta do Plano Cohen, um plano para derrubar o governo e implantar um regime comunista. Tal plano, era na verdade uma farsa elaborada pelo grupo de integralistas de Plínio Salgado.

Não demorou muito para começar as perseguições e prisões de pessoas acusadas de serem comunistas, instalou-se assim um estado policial no Brasil, que visava combater as ideologias de esquerda, buscas sem mandado e prisões arbitrárias e sem direito a defesa se tornaram comuns. Vargas criou a Comissão Nacional de Repressão ao Comunismo. A frente da policia secreta, estava Filinto Müller. O Estado Novo, intensificou e legitimou as perseguições, podendo qualquer pessoa ser presa, a qualquer momento, e teria que dar explicações as delegacias.

 

A vitima mais conhecida desse periodo foi a judai alemã Olga Benário, esposa do liver comunista Luís Carlos Prestes, que foi presa e enviada para a Alemanha em 1936. Ela estava grávida, teve sua filha Anita a prisão e morreu na câmara de gás de Bernburg.

A AÇÃO INTEGRALISTA BRASILEIRA

Apoiadores do golpe de 1937, logo a AIB, tornou-se oposição, diante do descontentamento com a eliminação de todos os partidos politicos. Em março de 1938 tentaram tomar dois quartéis no Rio de Janeiro e dois meses depois, sesenta militantes abriram fogo contra o Palácio da Guanabara. As ações fracassaram em quase 2 mil membros foram presos.

Censura

A DIP trabalhou arduamente para censurar as criticas contra o governo e para construir uma imagem positiva do presidente, sendo apoiada pela Agência Nacional, que fornecia as noticias a serem publicadas. Nesse período, o jornal Estado de S. Paulo foi retirado de seus donos e passou a ser administrado pelo Departamento de Ipresa e Propaganda, até 1945.

Diferente da ditadura militar, o Estado Novo apoiou os artistas e intelectuais que julgava patrióticos. Escolas de samba foram estimuladas a tratar de temas como o patritismo e o trabalho árduo.

Direitos Trabalhistas

Vargas retirou os direitos dos sindicatos, diminuindo a quantidade de sindicatos e forçando eles a se filiar ao Miistério do Trabalho, sendo regulado pelo governo e perdendo sua autonomia, criando o que ficou conhecido com “sindicalismo pelego” A origem do termo “pelego”: é um pano que se coloca sobre o cavalo, embaixo da sela, amaciando o contato dessa com o animal.)

Portanto, um sindicalista pelego é aquele que finge representar a classe operária, mas na verdade manipula essa massa em nome dos patrões, representando na verdade esses. O dirigente sindical pelego “amacia” os trabalhadores para o patrão.

Culto a imagem

Vargas fazia grandes discursos para as massas em estadios lotados, e chegou a colocar sua própria imagem em moedas, bustos e estátuas que se espalharam por todo o Brasil.

getulio_vargas_dezcruzeiros

Direitos trabalhistas

Vargas criou:

FÉRIAS ASSALARIADAS

REGULARIZAÇÃO DO TRABALHO FEMININO

REGULARIZAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL

PAGAMENTO DE HORAS EXTRAS

HORAS SEMANAIS

Industrialização do Brasil

Durante o seu governo ele investiu muito na industrialização do Brasil, criando a companhia mineradora Vale do Rio Doce (hoje privatizada, VALE), a Petrobrás, usanndo o capital estatal e privado. A CSN foi feita com financiamento dos Estados Unidos, durante a 2ª Guerra Mundial

 

C6C29A3D6340150631C7D162C14B792F7CDACEA545FD1C01AE3EC7F788E63B59

Redemocratização

Em maio de 1945, o ditador marcou eleições para dezembro, anistiou Luis Carlos Prestes e outros presos politicos e autorizou a formação de partidos politicos. Tentando lançar-se como candidato, Vargas acabou desagradando alguns setores do exercito, e em 29 de outubro de 1945 fooi deposto por uma junta militar, como a que o havia colocado no poder.

O general Eurico Gaspar Dutra é eleito como primeiro presidente da nova democravcia, e Getúlio foi eleito para o senado.Vargas retornaria a presidência, desta vez, eleito pelo voto popular, em 1951, e seu mandato terminou de forma trágica, com seu suicidio em 24 de agosto de 1954.

Carta-Testamento

 

Mais uma vez, as forças e os interesses contra o povo coordenaram-se novamente e se desencadeiam sobre mim.
Não me acusam, me insultam; não me combatem, caluniam e não me dão o direito de defesa. Precisam sufocar a minha voz e impedir a minha ação, para que eu não continue a defender como sempre defendi, o povo e principalmente os humildes. Sigo o destino que me é imposto. Depois de decênios de domínio e espoliação dos grupos econômicos e financeiros internacionais, fiz-me chefe de uma revolução e venci. Iniciei o trabalho de libertação e instaurei o regime de liberdade social. Tive que renunciar. Voltei ao governo nos braços do povo. A campanha subterrânea dos grupos internacionais aliou-se à dos grupos nacionais revoltados contra o regime de garantia do trabalho. A lei de lucros extraordinários foi detida no Congresso. Contra a Justiça da revisão do salário-mínimo se desencadearam os ódios. Quis criar a liberdade nacional na potencialização das nossas riquezas através da Petrobrás, mal começa esta a funcionar, a onda de agitação se avoluma. A Eletrobrás foi obstaculada até o desespero. Não querem que o trabalhador seja livre. Não querem que o povo seja independente.

Assumi o Governo dentro da espiral inflacionária que destruía os valores do trabalho. Os lucros das empresas estrangeiras alcançavam até 500% ao ano. Nas declarações de valores do que importávamos existiam fraudes constatadas de mais de 100 milhões de dólares por ano. Veio a crise do café, valorizou-se o nosso principal produto. Tentamos defender seu preço e a resposta foi uma violenta pressão sobre a nossa economia a ponto de sermos obrigados a ceder.

Tenho lutado mês a mês, dia a dia, hora a hora, resistindo a uma pressão constante, incessante, tudo suportando em silêncio, tudo esquecendo, renunciando a mim mesmo, para defender o povo que agora se queda desamparado. Nada mais vos posso dar a não ser meu sangue. Se as aves de rapina querem o sangue de alguém, querem continuar sugando o povo brasileiro, eu ofereço em holocausto a minha vida. Escolho este meio de estar sempre convosco. Quando vos humilharem sentireis minha alma sofrendo ao vosso lado. Quando a fome bater à vossa porta, sentireis em vosso peito a energia para a luta por vós e vossos filhos. Quando vos vilipendiarem, sentireis no meu pensamento a força para a reação. Meu sacrifício nos manterá unidos e meu nome será a vossa bandeira de luta. Cada gota de meu sangue será uma chama imortal na vossa consciência e manterá a vibração sagrada para a resistência. Ao ódio respondo com o perdão. E aos que pensam que me derrotaram respondo com a minha vitória. Era escravo do povo e hoje me liberto para a vida eterna. Mas esse povo de quem fui escravo não mais será escravo de ninguém. Meu sacrifício ficará para sempre em sua alma e meu sangue terá o preço do seu resgate.

Lutei contra a espoliação do Brasil. Lutei contra a espoliação do povo. Tenho lutado de peito aberto. O ódio, as infâmias, a calúnia, não abateram meu ânimo. Eu vos dei a minha vida. Agora ofereço a minha morte. Nada receio. Serenamente dou o primeiro passo no caminho da eternidade e saio da vida para entrar na história.

Carta-Despedida

Deixo à sanha dos meus inimigos o legado da minha morte.
Levo o pesar de não haver podido fazer, por este bom e generoso povo brasileiro e principalmente pelos mais necessitados, todo o bem que pretendia.
A mentira, a calúnia, as mais torpes invencionices foram geradas pela malignidade de rancorosos e gratuitos inimigos numa publicidade dirigida, sistemática e escandalosa.
Acrescente-se a fraqueza de amigos que não me defenderam nas posições que ocupavam, a felonia de hipócritas e traidores a quem beneficiei com honras e mercês e a insensibilidade moral de sicários que entreguei à Justiça, contribuindo todos para criar um falso ambiente na opinião pública do país contra a minha pessoa.
Se a simples renúncia ao posto a que fui elevado pelo sufrágio do povo me permitisse viver esquecido e tranqüilo no chão da Pátria, de bom grado renunciaria. Mas tal renúncia daria apenas ensejo para, com mais fúria, perseguirem-me e humilharem. Querem destruir-me a qualquer preço. Tornei-me perigoso aos poderosos do dia e às castas privilegiadas. Velho e cansado, preferi ir prestar contas ao Senhor, não de crimes que não cometi, mas de poderosos interesses que contrariei, ora porque se opunham aos próprios interesses nacionais, ora porque exploravam, impiedosamente, aos pobres e aos humildes.
Só Deus sabe das minhas amarguras e sofrimentos. Que o sangue de um inocente sirva para aplacar a ira dos fariseus.
Agradeço aos que de perto ou de longe trouxeram-me o conforto de sua amizade.
A resposta do povo virá mais tarde…

20MORTE9

 

Bibliografia:

Revista Aventuras na história, edição 175 de dezembro de 2017

http://www0.rio.rj.gov.br/memorialgetuliovargas/conteudo/expo8.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: